terça-feira, 8 de novembro de 2011

A vida depois do fora

Foras? Coleciono muitos. E, sabe, eu não espero muito do cara que não quer mais nada comigo. Apenas duas coisas... duas pequenas coisinhas. A primeira é que ele não fique feliz. A maior afronta, depois dele resolver não gostar mais de mim, é perceber que alguém está tocando a vida e este alguém – ora ora vejam só – não sou eu. Ele num 4square at boteco com os amigos enquanto eu sigo fiscalizando loucamente todos os seus passos. Fotos rindo? Não faça isso. Nem sorrindo, por favor. Esqueça a internet. Sei lá. Mas me acompanhe. Se não conseguir, disfarce. Não me interessa. Só não seja feliz até eu conseguir ficar bem de novo. Ok? Eu te aviso quando estiver liberado. Outra coisa que eu desejo é, obviamente, o arrependimento. O mínimo que eu espero dele é que volte se arrastando. Lambendo o chão que eu piso. E eu lá, linda e sem silicone, acompanhada de um cara mais alto e forte e gato. Daí eu faço um aceno com a cabeça. Assim de longe. Porque, claro, meu novo namorado é muito melhor e eu não dividiria 30 segundos do nosso tempo cumprimentando ex com beijinho, né? E daí eu olho ao meu lado pra toda aquela exuberância e penso... eu penso... é... humm... peraí, do que eu tava falando mesmo?


esqueci!


Beijo grande
Kézia

9 comentários:

Carol disse...

Hahahahaha, dei muita risada, principalmente por ter lembrado um daqueles pensamentos que passam assim, de leve, sabe? "Queria tannnnnnnto que aquele nanico me visse com esse grandalhão" ...tsc tsc

Andreza A A disse...

Essa é a minha amiga!!!

Anônimo disse...

AAUAHAHUAHUAHUAHAUAHUAAH TO MORRENDO DE RI AKI...RSRS TINHA Q SER VC MAIS UMA VEZ..RS BJÃO PRI.;...

Diu Mota disse...

Confesso que quando vi o nome do blog fiquei aliviada- Tem mais gente ácida, além de mim, nesse mundo! rsrs...Mas claro que essa minha "qualidade" foi dada por um amigo observador...e ri muito com isso.
Voltarei...rsrs
inté

nanda disse...

eu super concordo! qtos foras eu levei? infelizmente, muitos! hahaha!
que bom que está voltando a postar... eu meio que desanimei! fora recente... hahaha!

Ácidas e Doces disse...

Sim, aquele nanico, affe.

Nanda, fora dói, mas poderia ser muito pior, poderia ser você a dispensar um cara. o sofrimento é muuuito maior (bom, na minha mente agoniada é.)
beijo
Kézia

Lidiane Katiucia disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Lidiane Katiucia disse...

Nossa é chato mesmo levar um fora e perceber que as coisas vão seguindo seu rumo...
Tenho uma amiga que é ácida e eu sou doce, mas acho que é bem melhor ser ácida do que ser doce, pelo menos não sofre tanto.
Gostei do blog!
http://divasnodiva-lilith.blogspot.com/

Thiago Mafra disse...

Com licença,posso falar? Sou homem,é permitido? Acho que sim,não li restrições rs! Sua sinceridade é ímpar! Prefiro pessoas que dizem o que pensam e exalam acidez(mesmo que não concorde com elas),do que os politicamente corretos. Tu conhece o filósofo Luiz Felipe Pondé? Bjo